International Attachment Conference

15.07.2007

Decorreu de 11 a 13 de Julho, na U.Minho, a International Attachment Conference. Com a presença de investigadores de vinte e oito países, da Europa à América e Oceânia, e que no seu conjunto representam a “nata” da investigação nesta área, este evento possibilitou, a quem assistiu, perceber que as teorias da Vinculação hà muito deixaram de ter uma “interpretação” apenas psicodinâmica.
Tendo como tema principal as Relações Perturbadas da Vinculação ao Longo do Ciclo de Vida, bem como os processos de mudança, pudemos assistir a comunicações relativas a investigações / intervenções com crianças, adolescentes, adultos, pais e casais, o que possibilitou uma reflexão “guiada” sobre as implicações quer para a clínica quer para intervenções de cariz institucional.

A ausência de Klaus e Karin Grossmann por razões de saúde deixou a Conferência um pouco “órfã” e sem estes dois grandes investigadores europeus. Contudo Isabel Soares fez uma brilhante “substituição” na coordenação das conferências a que deveriam ter presidido.

Como balanço pessoal gostaria de salientar as investigações apresentadas pelos seguintes investigadores:

  • Isabel Soares (Universidade do Minho) – Mudança nas Relações de Vinculação Perturbadas: Contributos da Investigação e da Clínica;
  • Jay Belsy (Birbeck University of London)– Early child care: Its risks and chances (NICHD – Study of Early Child Care and Youth Development);
  • Annie Bernier (University of Montreal) – Attachment and adoption: research and intervention issues;
  • Robert Marvin (University of Virginia) – Troubled attachment relations in childhood: intervention issues with parents and children (Cirle of Repair);
  • Martha Ericson (University of Minnesota) – STEEP: Steps toward effective, enjoyable parenting. Lessons learned from applying attachment theory and research in community-based work with parents and infants (mferick@umn.edu);
  • Robert Pianca (University of Virginia) – Approaches to improve quality relationships between teachers and children: Changing the relational capacity of school settings enhances academic and social outcomes;
  • Elisabeth Carlson (University of Minnesota) – Attachment Disorganization and Disorder: Views from Research;
  • Carol George (Mills College, USA) – Assessing traumatic attachment dysregulation in adults: implications for treatment;
  • Karlen Lyons-Ruth (Harvard Medical School) – Disorganized and controlling forms of attachment in late adolescence and relations with young adults adaptation and relations (familypathproject.org);
  • Carolyn Cowan and Philip Cowan (University of California, Berkeley) – Insecure attachment: how a partner’s attachment representation and behaviour can break negative intergenerational cycles (Attachment Couple Interview);
  • Jude Cassidy (University of Maryland) – Lawful changes in attachment relationships and representations (Jcassidy@psyc.umd.edu)

As investigações referidas podem ser consultadas nos sites das respectivas universidades.

Para finalizar esta breve notícia essencial referir o lançamento do livro “Relações de Vinculação ao Longo do Desenvolvimento: Teoria e avaliação” com coordenação da Prof. Isabel Soares - certamente uma obra de referência para quem deseje investigar nesta área - e que felicitamos pela brilhante organização desta conferência.

Dora Pereira Dias
Membro do Conselho Técnico Científico da SPPC
15 de Julho 2007


Email  E-mail Email  Share


Comente o Destaque

* É obrigatório preencher todos os campos. O seu e-mail não será
  divulgado publicamente.


O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.

Arquivo

2016

2015

2014

2013


    2012


      2011

      2010

      2009

      2008

      2007

      2006

      Contacte-nos